Membros

Usuário
Senha
Relembre-me

Artigos Recentes

Referências

Publicado: Jun 28, 2011 por admin Arquivado em: Referências

 

ARANTES, Valéria Amorin (org.). Humor e alegria na educação. São Paulo: Summus, 2006.

BAKER, C. and PADDEN, C.  American Sign Language:  a look at its history, structure and community.  Silver Spring:  T.J. Publishers, Inc., 1978.

BAUMAN, Zygmunt. Comunidade – a busca por segurança no mundo atual. Trad. Plinio Dentzien. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2003.

BAUMAN, Zygmunt. Identidade. Entrevista a Benedetto Vecchi. Trad. Carlos Alberto Medeiros. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2005.

BHABHA, Homi. O local da Cultura. Belo Horizonte: Editora UFMG (2005).

CANCLINI, Nestor García. Diferentes, desiguais e desconectados. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2005.

HALL, Stuart.  A identidade Cultural na Pós-Modernidade.  Rio de Janeiro: DP&A, 2002, 7a. Ed. 

HALL, Stuart. A centralidade da cultura: notas sobre as revoluções culturais do nosso tempo.  Educação e Realidade, Porto Alegre: UFRGS/FACED, v. 22, n.2, jul/dez, 1997, p. 17.

HALL, Stuart. Identidades culturais na pós-modernidade. Trad. Tomaz. T. da Silva e Guacira Louro. 2 ed. Rio de Janeiro: DP&A Ed., 1998.

HARMON, Kristen. Writing Deaf: Textualizing Deaf Literature. Sign Language Studies, vol 7, n. 2, 2007, p. 200-207.

HESSEL, Carolina, ROSA, Fabiano, KARNOPP, L. B. Cinderela Surda. Canoas: ULBRA, 2003

KARNOPP, L. B. Comunidade de surdos: contribuições para a educação. In: III Encuentro Internacional de Investigadores de Políticas Lingüísticas, 2007, Córdoba. III Encuentro Internacional de Investigadores de Políticas Lingüísticas. Córdoba: Secretaria de Extensión y Relaciones Internacionales, 2007. p. 119-122.

KARNOPP, L. B.; MACHADO, Rodrigo Nogueira. Literatura Surda: ver histórias em língua de sinais. In: 2 Seminário Brasileiro de Estudos Culturais em Educação, 2006, Canoas. 2 SBECE. Canoas: ULBRA, 2006. p. 1-13

KARNOPP, L. B. Literatura surda. ETD: Educação Temática Digital, v. 7, p. 2, 2006

KARNOPP, L. B. Produções culturais de surdos: análise da literatura surda. Cadernos de Educação (UFPel), v. Ano 19, p. 155-174, 2010.

KARNOPP, L. B. Sinais e Olhares: Produções Culturais em Comunidades de Surdos. In: Enicéia Gonçalves Mendes; Maria Amelia Almeida. (Org.). Das Margens ao Centro: perspectivas para as políticas e práticas educacionais no contexto da educação especial inclusiva. São Paulo: Junqueira&Marin, 2010, v. , p. 291-300.

KLIMA, E., and BELLUGI, U. Poetry and song in a language without sound. In: KLIMA, E., and BELLUGI, U.  The signs of language. Cambridge, MA: Harvard University, 1979, p. 340-372. 

LADD, Paddy. Understanding Deaf Culture: In Search of Deafhood. British: Multilingual Matters Ltd, 2003.

LAJOLO, Marisa. Literatura: leitores & leitura. São Paulo: Moderna, 2001.

LOPES, Maura C.; VEIGA-NETO, Alfredo. Marcadores culturais surdos: quando eles se constituem no espaço escolar. Perspectiva. Revista do Centro de Ciências da Educação, Dossiê: Língua de Sinais e Educação de Surdos, vol. 24, jul-dez 2006. Florianópolis: UFSC, 2006

MOTTEZ, Bernard. Los banquetes de sordomudos y el nacimiento del movimiento sordo. Revista do GELES, Rio de Janeiro, n.6, p. 5-19, 1992.

PADDEN, Carol; HUMPHRIES, T. Deaf in America: voices from a culture. Cambridge: Harvard University Press, 1988.

PEREIRA, Sandro dos Santos. Piadas em Libras. Confederação Brasileira de Surdos, 2009. Disponível em DVD.

PERISSÉ, Gabriel. Literatura & Educação. Belo Horizonte: Autêntica, 2006.

PERLIN, Gládis. O lugar da cultura surda. In: THOMA, Adriana; LOPES, Maura (orgs). A Invenção da Surdez: cultura, alteridade, identidade e diferença no campo da educação.  Santa Cruz do Sul: Edunisc, 2005. p. 73-82.

POSSENTI, Sírio. Limites do humor. Letras. Santa Maria: Letras, v. 26, 2003, p. 103-110

POSSENTI, Sírio. Mal comportadas línguas. 3ªed. São Paulo: Parábola Editorial, 2009.

POSSENTI, Sírio. Os humores da língua. 1ª ed. Campinas, SP: Mercado de Letras, 1998.

POSSENTI, Sírio. Os limites do discurso: ensaios sobre discurso e sujeito. Curitiba: Criar, 2002. (cap. 3, 10 e 11)

QUADROS, Ronice Müller de; KARNOPP, L. B. Língua de sinais brasileira: estudos lingüísticos. 1ª ed. Porto Alegre(RS): ArtMed, 2004. 221 p.

QUADROS, Ronice Muller e SUTTON-SPENCE Raquel.  (2006). Poesia em língua de sinais: traços da identidade surda. In: QUADROS, Ronice Muller (org.). Estudos Surdos I. Petrópolis: Arara Azul, p 111. Também disponível em: http://www.editora-arara-azul.com.br/ParteA.pdf

ROSA, Fabiano; KARNOPP, Lodenir.  Adão e Eva.  Canoas: ULBRA, 2005.

ROSA, Fabiano; KARNOPP, Lodenir.  Patinho Surdo.  Canoas: ULBRA, 2005.

ROSA, Fabiano; KUNZENDORF, Gisele; KARNOPP, L. B.; SILVEIRA, Carolina H. Sinais de Cinderela e Rapunzel: narrativas em língua de sinais. Revista de Iniciação Científica da ULBRA, Canoas, v. 1, n. 2, p. 223-230, 2003.

RUTHERFORD, Susan. Funny in Deaf. Not in Reading. The Journal of American Folklore, vol. 96, n. 381 (Jul-Sep, 1983), p. 310-322

SILVEIRA, Carolina Hessel, ROSA, Fabiano, KARNOPP, L. B. Rapunzel Surda. Canoas: ULBRA, 2003 p.36.

SILVEIRA, Rosa H. Contando histórias sobre surdos(as) e surdez.  In: COSTA, M. (org.). Estudos Culturais em Educação.  Porto Alegre: Ed. Universidade/ UFRGS, 2000

SILVEIRA, Rosa Maria (org.) Cultura, Poder e Educação – um debate sobre estudos culturais em educação.  Canoas; ULBRA, 2005.

SKLIAR, Carlos (org.).  A Surdez: um olhar sobre as diferenças.  Porto Alegre: Mediação, 1998.

SKLIAR, Carlos (org.).  Atualidade da Educação Bilíngüe para Surdos. Vol. 2. Porto Alegre: Mediação, 1999.

STROBEL, Karin. As imagens do outro sobre a Cultura Surda. Florianópolis: Editora da UFSC, 2008. p. 21-27

SUTTON-SPENCE, Rachel & KANEKO, Michiko. Symmetry in Sign Language Poetry.  In: Sign Language Studies, vol. 7, n.3, 2007.  P. 284-318.

SUTTON-SPENCE, Rachel. Aspects of BSL poetry: a social and linguistc analysis of the poetry of Dorothy Miles. Sign Language & Linguistics 3:1, 79-100. John Benjamins Publisching Company, 2000.

SUTTON-SPENCE, Rachel. Images of Deaf Culture and Identity in Sign Language Poetry. In: TISLR9. Florianópolis: Editora Arara Azul, 2006 (2008) http://www.editora-arara-azul.com.br/ EstudosSurdos.php

WIDELL, Jonna. As fases históricas da cultura surda. Revista do GELES, Rio de Janeiro, n.6, p. 20-49, 1992.

WILCOX, Sherman; WILCOX, Phillis.  Aprender a Ver.  Trad. Tarcísio Leite.  Rio de Janeiro: Arara Azul, 2005.

 

Profissionais

Publicado: Jun 28, 2011 por admin Arquivado em: Créditos

1 COORDENAÇÃO

 

1.2 Lodenir Becker Karnopp 

Formação e atuação profissional: Professora adjunta da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, no Departamento de Estudos Especializados e no Programa de Pós-Graduação em Educação (FACED/ UFRGS), desde 2007. Possui graduação em Letras, Mestrado e Doutorado em Lingüística e Letras. Desenvolve pesquisas no campo dos Estudos Culturais em Educação e na área de Lingüística, com ênfase em Línguas de Sinais e educação de surdos. É bolsista do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), na modalidade de Produtividade em Pesquisa 2.

Função desempenhada no projeto: Atuou como coordenadora geral do Projeto “Literatura Surda”.

 

2  SURDOS CONTADORES DE HISTÓRIAS - AUTORES

 

2.1 Carolina Hessel Silveira

Formação e atuação profissional: Mestre em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2006. Doutoranda em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGEDU/UFRGS), desde março de 2011. Professora Assistente, na área de Libras, da Faculdade de Educação da UFRGS.

Função desempenhada no projeto: Participou das reuniões e das oficinas, produziu histórias em Libras e colaborou na sugestão e feitura das histórias. 

 

2.2  Fabiano Souto Rosa

Formação e atuação profissional: Professor Auxiliar de Língua Brasileira de Sinais do Centro Educação à Distancia da UFPel. Mestre em Educação pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Especialista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Graduado em Licenciatura Plena Pedagogia pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA). Integrante do Grupo Interinstitucional de Pesquisa em Educação de Surdos (GIPES).

Função desempenhada no projeto: Participou de reuniões e oficinas, produziu histórias em Libras e colaborou na sugestão e feitura das histórias.

 

2.3  Augusto Schallenberger

Formação e atuação profissional: Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), especialista em Educação Inclusiva pela Universidade Castelo Branco (UCB) e graduado em Pedagogia Habilitação Magistério da Educação Infantil e Séries Iniciais do Ensino Fundamental pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA). Atualmente é professor da disciplina de Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) do curso de Letras da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e do curso de Pedagogia da Faculdade Cenecista de Osório (FACOS).

Função desempenhada no projeto: Participou de reuniões e oficinas, produziu histórias em Libras e colaborou na sugestão e feitura das histórias.

 

2.4  Cláudio Henrique Nunes Mourão

Formação e atuação profissional: Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), linha de Estudos Culturais em Educação; Professor de LIBRAS no Centro Universitário do Ritter dos Reis (UniRitter), certificado pelo PROLIBRAS; professor de teatro e dança de salão. Possui Licenciatura em Letras/Língua Brasileira de Sinais, na modalidade de Educação a Distância (EAD) - Pólo de Santa Maria - UFSM, pela Universidade Federal de Santa Catarina (2010) e graduação em Educação Física - Licenciatura Plena, pelo Centro Universitário Metodista IPA (2007).

Função desempenhada no projeto: Participou de reuniões e oficinas, produziu histórias em Libras e colaborou na sugestão e feitura das histórias.

 

3  TRADUTORES-INTÉRPRETES DE LIBRAS

 

3.1 Luiz Daniel Rodrigues

Formação e atuação profissional: Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Graduado em Pedagogia pela UFRGS e apresenta certificado do Exame Nacional de Proficiência em Língua Brasileira de Sinais. Atualmente atua como tradutor-intérprete da Língua Brasileira de Sinais (TILS), na UFRGS.

Função desempenhada no projeto: Traduziu treze vídeos da Libras para a Língua Portuguesa.

 

 

3.2 Elisama Rode Boeira Suzana

Formação e atuação profissional: Acadêmica do Curso de Letras-Libras (Bacharelado) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), no pólo UFRGS. Apresenta certificado do Exame Nacional de Proficiência em Libras (PROLIBRAS/MEC) para Tradução e Interpretação da Libras-Língua Portuguesa e para o Uso e Ensino da Libras. Atua como Tradutora-Intérprete (TILS) da Língua Brasileira de Sinais.

Função desempenhada no projeto: Colaborou na tradução de um vídeo e participou das reuniões com o grupo de trabalho.

 

4  OUTROS PROFISSIONAIS E COLABORADORES:

 

4.1 Edson Felix dos Santos

Formação e atuação profissional: Pedagogo de formação pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), Brasil, professor de informática, pesquisador na linha de criação de vídeos educacionais na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (bolsista do CINTED/UFRGS).

Função desempenhada no projeto: realização de filmagem, edição dos vídeos e inserção de legendas.

 

4.2 Rafael Prates de Oliveira

Formação e atuação profissional: Técnico em informática pelo Colégio Cristo Redentor (ULBRA), graduando no curso de bacharelado em Design na FEEVALE, sócio-fundador do escritório de design H25 Design e Marketing, atuando na área de web.

Função desempenhada no projeto: postagem dos vídeos no site. Desenvolvimento de características técnicas e recursos do site, bem como a organização da página. www.literaturasurda.com.br

 

4.3 Felipe Leão Mianes

Formação e atuação profissional: Graduado em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), na Linha de Pesquisa “Estudos Culturais em Educação”. Doutorando em Educação pela UFRGS (bolsista CNPq), desenvolve pesquisa com ênfase nos campos de estudos sobre pessoas com deficiência, produção cultural de pessoas com deficiência e estudos sobre implicações socioculturais da deficiência visual.

Função desempenhada no projeto: sugestão e análise das ferramentas de acessibilidade. Participou das reuniões mensais do grupo de trabalho.  

 

4.4 Priscila de Abreu Bortoletti

Formação e atuação profissional: Estudante de Pedagogia na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FACED), bolsista de Iniciação Científica do CNPq, vinculada ao projeto de pesquisa “Produção, Circulação e Consumo da Cultura Surda Brasileira”, sob coordenação da Profª Drª Lodenir Karnopp.

Função desempenhada no projeto: apoio no desenvolvimento de atividades administrativas e colaboração nas atividades docentes.

 

4.5 Débora Madalena

Formação e atuação profissional: Estudante do curso de Pedagogia da UFRGS, monitora da disciplina de Libras, participante no Projeto de pesquisa “Produção, Circulação e Consumo da Cultura Surda Brasileira”, sob coordenação da Profª Drª Lodenir Karnopp.

Função desempenhada no projeto: Colaboradora na execução e administração do Projeto Literatura Surda.

 

Página 1 de 1